Novo coordenador do Nupemec assume prometendo investimento em capacitação e na remuneração dos conciliadores

O novo coordenador diz que haverá investimento em capacitação e na remuneração dos conciliadores e mediadores

O ex-diretor do foro da comarca de Goiânia, o juiz Paulo César Alves das Neves é o novo coordenador do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec). Além dele, a nova composição do Nupemec foi publicada no Decreto Judiciário nº 407/2021. São eles: presidente do TJGO, desembargador Carlos Alberto França; juíza auxiliar da Presidência, Sirlei Martins da Costa; juiz auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça, Altair Guerra da Costa; juiz coordenador Paulo César Alves das Neves; juiz coordenador adjunto Fernando de Mello Xavier; e desembargador aposentado Olavo Junqueira de Andrade.

O novo coordenador avisa que estão entre os principais projetos da nova gestão o investimento em capacitação e na remuneração dos conciliadores e mediadores. “Nós entendemos que a prestação de serviço do conciliador e do mediador tem que ter uma qualidade muito boa, porque, muitas vezes, o cidadão consegue resolver seu problema lá no início, na primeira audiência. E, além disso, com melhor remuneração, nós conseguimos aprimorar o quadro de conciliadores e mediadores”, anunciou o magistrado.

Paulo César também adiantou que o Tribunal de Justiça de Goiás deve promover, no primeiro semestre, o encontro estadual de coordenadores de Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc), com participação de palestrantes que são referência nessa área no país.

O Nupemec tem a competência de implementar a Política Judiciária Nacional de Tratamento Adequado dos Conflitos de Interesses, em conformidade com as diretrizes estabelecidas na Resolução 125 do CNJ, centralizando e gerindo as atividades de conciliação e mediação, no âmbito da Justiça Estadual.