Lançada nesta quinta-feira a primeira startup do Escritório João Domingos Advogados

A startup Aceleração, criada para intermediar a compra e venda de ativos judiciais de natureza diversa/Foto Nina Marucia

Wanessa Rodrigues e Marília Costa e Silva

Advogados goianos e profissionais da área do Direito conheceram, na noite desta quinta-feira (12/09), um novo modelo de negócios que promete revolucionar o mercado. Foi lançada, durante coquetel no escritório João Domingos Advogados Associados, a startup Antecipação, criada para intermediar a compra e venda de ativos judiciais de natureza diversa, como precatórios, créditos trabalhistas, créditos decorrentes de recuperação judicial, créditos decorrentes de direitos hereditários e inventários e outros créditos. Essa startup é a primeira a ser incubada dentro do escritório.

Leandro Marmo recebeu convidados para apresentação da startup/ Foto Nina Marucia

Conforme explica o advogado Leandro Marmo, a startup surgiu da necessidade de oferecer a quem está com um ativo judicial parado, receber o crédito de forma imediata. De outro lado, interessados em adquirir esses créditos terão a chance de fazer investimentos. Segundo diz o advogado, somente em Goiás há cerca de R$ 100 bilhões paralisados na Justiça relacionados a disputas judiciais. A ideia é colocar esse ativo para circular na economia.

O advogado observa que, neste cenário, a startup vai servir de intermediadora entre quem quer vender e um possível comprador. Assim, criando um mercado mais estruturado para negociar esses ativos. Leandro Marmo lembra que esse tipo de negócio já existe, mas de forma mais pontual, por exemplo, com financeiras. “A intenção com essa startup é criar um mercado mais institucionalizado e estruturado”, ressalta.

Conforme explica Leandro Marmo, os créditos poderão ser adquiridos não apenas por bancos, que já fazem esse tipo de atividade de uma forma mais específica – normalmente com créditos que envolvem a própria instituição financeira, mas também por investidores interessados em adquirir esse tipo de ativo judicial e, com isso, ter a lucratividade e razão do deságio do crédito.

A negociação vai funcionar por meio de uma plataforma digital. Com isso, o interessado poderá encaminhar os dados do crédito que deseja vender, em ações de conhecimento e de execução. Após análise, a equipe técnica da startup encontrará um parceiro (comprador), que tenha interesse em adquirir esse tipo de crédito com deságio, para realizar a operação.

José Júnior será um dos responsáveis pela condução da startup/ Foto Nina Marucia

Leandro explica que, além de serem cadastrados na plataforma digital, os créditos poderão ser levados por advogados até a startup. “Os advogados que têm processos de clientes com créditos a receber serão os principais parceiros nessa negociação, assim, poderão agilizar o recebimento do crédito para seus clientes, bem como seus honorários contratuais e de sucumbência”, diz. Conforme ressalta, os profissionais terão mais uma oportunidade de negócios.

Inovação

A startup Antecipação faz parte do hub de inovação jurídica criado no escritório João Domingos Advogados Associados. Ela ficará responsável por analisar propostas conectadas com a área jurídica e que tenham potencial executivo e de exponencial crescimento.

Para saber mais informações ou para fazer parcerias e negócios com a startup, entre em contato com a equipe da Antecipação pelo WhatsApp wa.me/556294711781, pelo telefone 62 99471-1781, em-mail contato@antecipaacao.com.br ou siteantecipaacao.com.br