PGJ prorroga regime de plantão extraordinário até 1º de agosto no MP de Goiás

Foi publicado nesta terça-feira (9/6), no Diário Oficial da instituição (edição 2.652), o Ato nº 33, da Procuradoria-Geral de Justiça (PGJ), que altera o Ato PGJ nº 18/2020, e prorroga até 1° de agosto, no âmbito do Ministério Público de Goiás, o regime de plantão extraordinário, atendimento ao público e regime de teletrabalho durante a situação emergencial provocada pelo novo coronavírus (Covid-19).

A medida considera a Resolução 322, de 1º de junho, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que estabeleceu medidas para retomada dos serviços presenciais, bem como o Decreto nº 1.141/2020, do Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO), que regulamenta a Resolução n° 322/2020 do CNJ e dispõe sobre o retorno gradual das atividades forenses presenciais no âmbito do Judiciário goiano.