Entre os últimos atos como presidente do TJGO, Walter Carlos entrega obras feitas na sua gestão

Entre os últimos atos como presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), o desembargador Walter Carlos Lemes, que passará o cargo ao presidente eleito Carlos França na próxima segunda-feira (1), inaugurou ontem (28) a reforma geral do Bloco B do do Palácio da Justiça Desembargador Clenon de Barros Loyola. Para esta sexta-feira (29), estão previstas as inaugurações do novo fórum da comarca de Bela Vista de Goiás e da Unidade de Processamento Judicial (UPJ) dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher da comarca de Goiânia.

Bloco B foi inaugurado após reforma que durou 11 meses

A inauguração da reforma do bloco B e o novo fórum da comarca de Bela Vista de Goiás, que será entregue nesta hoje, são as principais obras físicas da atual gestão, que se encerra neste domingo (31).

As obras de reforma geral do Bloco B, cujo contrato foi de 26 meses, foram executadas em um tempo recorde – 11 meses. O investimento foi de R$ 68 milhões, 31,% menor do que o valor previsto inicialmente.  “Essa é uma obra que vai durar um tempo considerável sem necessidade de outra reforma. E, para os jurisdicionados, muda muito também, pois nós vamos dar conforto às pessoas que procuram o Judiciário, que geralmente vêm aqui com algum problema para ser resolvido. E, hoje, o Poder Judiciário oferece uma nova sistemática de atendimento de relações humanas no trabalho, num ambiente totalmente confortável”, declarou o desembargador.

Fórum de Bela Vista

Entregar o novo fórum da comarca de Bela Vista de Goiás deve ser especial para Walter Carlos já que o desembargador nasceu na cidade. A solenidade, marcada para às 16 horas, contará com a presença do diretor do Foro local, juiz Paulo Afonso de Amorim Filho, da prefeita Nárcia Kelly Alves da Silva e de outras autoridades.

O novo prédio está localizado no Setor Via das Flores, foi erguido em um terreno de 10 mil metros quadrados e tem uma área construída de 4 mil metros quadrados. A construção tem um pavimento térreo e subsolo com estacionamento para magistrados e servidores e, também, um estacionamento externo para os usuários.

Galeria de Presidentes foi inaugurada ontem também

UJP de Goiânia

Já a UPJ será entregue em solenidade prevista para às 13h30, no quinto andar do Fórum Criminal Desembargador Fenelon Teodoro Reis. Ela vai desenvolver as atividades de secretaria dos 1º, 2º, 3º e 4º Juizados de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da comarca da capital, de acordo com o determinado na Portaria nº 440/2020.
Essa é a quarta UPJ inaugurada pela atual gestão – a primeira foi em dezembro de 2019. As unidades têm sido implementadas no Judiciário goiano com objetivo de dar celeridade à prestação jurisdicional, como uma nova metodologia de trabalho das escrivanias, visando a padronização dos procedimentos e a otimização de recursos e resultados.

O juiz Vanderlei Caires Pinheiro foi designado como juiz coordenador da Unidade de Processamento Judicial (UPJ) dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher. Os outros magistrados titulares dos juizados são Luiz Damacena e Sandra Regina Teixeira Campos. O gestor master da UPJ será o servidor Vinícius Teixeira da Silva.