Telefonia, bancos, compras on-line e aéreas lideram reclamações no Procon

O Programa de Defesa do Consumidor (Procon Goiânia) realizou 1.579 atendimentos de janeiro a fevereiro. Deste total, cerca de 1.394 reclamações foram solucionadas no atendimento preliminar, quando a empresa responde a demanda do consumidor dentro do prazo estabelecido pelo Procon.

Já 185 queixas não foram resolvidas no atendimento preliminar e seguiram para uma segunda etapa de conciliação, com a abertura de processo administrativo.

Dentre as empresas com mais reclamações, os serviços de telefonia estão em primeiro lugar. A maioria dos casos de reclamação é sobre a cobrança de um pacote que não foi contratado. O Procon recebeu 247 registros.

A segunda categoria com maior número de reclamações – 244 – está ligada ao setor financeiro (bancos, cartão de crédito e financeiras). As principais queixas são cobranças indevidas, contratos e crédito consignado sem autorização do cliente.

Na sequência, aparecem atendimentos relacionados a compras pela Internet, com 163 registros. Os principais problemas são atraso ou não entrega do produto, cobrança indevida ou abusiva e produto com defeito.

E por último, os consumidores reclamam que não conseguem remarcar ou cancelar viagens durante à pandemia, com 145 reclamações relacionadas a companhias aéreas.

Fiscalização

O Procon Goiânia realizou 473 fiscalizações de janeiro a fevereiro. Foram vistoriados açougues, supermercados, panificadoras, postos de combustíveis, bancos e salão de beleza. Deste total, 107 estabelecimentos foram autuados por vender produtos sem procedência, informação de fabricação e fora do prazo de validade. Mais de 56 empresas foram notificadas para a apresentar notas fiscais de compra e venda dos produtos para verificar se houve aumento abusivo.

Reclamação e denúncia

O Presidente do Procon Goiânia, Gustavo Cruvinel, reforça que o órgão sempre estará à disposição do consumidor e reforça a importância da população procurar os serviços quando tiver problemas com a relação de consumo. Cruvinel explica a diferença entre reclamação e denúncia.

“Denúncia é o instrumento pelo qual o consumidor comunica sobre condutas que violam os direitos de vários consumidores. Já a reclamação é o mecanismo que o consumidor utiliza para comunicar sobre as violações dos direitos individuais”, explicou.

Atendimento

Devido à pandemia de Covid-19, o atendimento presencial continua suspenso temporariamente. O Procon Goiânia disponibiliza canais de atendimento à distância: e-mail: ([email protected]), telefone (3524-2942/2936/2949) e aplicativo Prefeitura 24 horas, ícone Procon.