Casag retoma atividades com redução de efetivo e uso de máscaras pelos colaboradores

A Caixa de Assistência dos Advogados de Goiás (Casag) informa que, devidamente respaldada pelo mais recente decreto do governador do Estado, Ronaldo Caiado, retomou suas atividades nesta quarta-feira (22/4). O retorno respeita todas normas de distanciamento, redução de efetivo, utilização de máscara e todos os demais cuidados preconizados pelo documento. De modo preservar a saúde de todos, a diretoria tem alertado todos os colaboradores para o uso dos equipamentos de proteção individual.

O Centro de Excelência e as atividades nas subseções também voltam ao seu pleno funcionamento. No entanto, seguem suspensas todas as atividades do Centro de Cultura, Esporte e Lazer (CEL) da OAB-GO, em Aparecida de Goiânia, bem como o restaurante e o café do Centro de Excelência. O funcionamento do Meu Escritório (ME) será retomado de forma parcial. Enquanto perdurar a advertência do governo em relação a atendimento de clientes, as unidades poderão operar apenas para o trabalho e peticionamentos dos advogados, não podendo ser utilizado para reuniões e atendimentos.

O presidente da Casag, Rodolfo Otávio Mota, compactua do posicionamento da Seccional goiana quanto à não liberação da volta dos trabalhos em escritórios de advocacia. “Este é nosso único apontamento mais agudo em relação ao decreto do governo, uma vez que entendemos esta como uma atividade mais que essencial, já que guarda guarita na Constituição Federal”, comenta Rodolfo. Na segunda-feira, a OAB-GO encaminhou ofício a Ronaldo Caiado solicitando a permissão para que os advogados possam receber presencialmente os clientes nos escritórios.