TJGO abre edital para cargo de desembargador pelo critério de antiguidade

A Presidência do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) comunica a abertura de edital (Edital nº 4/2021) para acesso ao cargo de desembargador do TJGO, pelo critério de antiguidade.  A vaga foi aberta com a aposentadoria voluntária do magistrado Ney Teles de Paula. A sessão de julgamento pelo Órgão Especial está marcada para o dia 12 de abril.

Conforme descrito no edital, a inscrição será de 8 a 12 de março e deve ser feita pelo Sistema de Promoção e Remoção, no portal da intranet do TJGO. No edital, constam os passos que devem ser seguidos pelos magistrados para efetivação da inscrição e, ainda, para o acompanhamento do processo.

Após a confirmação da inscrição, o magistrado receberá mensagem pelo seu e-mail institucional e pelo Telegram. No caso do Telegram, o magistrado deverá procurar, no seu APP Telegram no celular, por @PromocaoRemocao_tjgo, cadastrando este robô da aplicação e depois clicar em “Iniciar”.

O magistrado terá, entre os dias 22 e 26 de março, prazo para apresentar impugnação em relação às informações dos concorrentes e serão aceitas somente as desistências confirmadas até o dia 7 de abril.

Ney Teles de Paula

Ney Teles foi presidente do TJGO no biênio 2013/2015, e atualmente atuava como membro da 3ª Câmara Cível do TJGO e integrava a Comissão de Memória e Cultura.

Ney Teles de Paula começou na magistratura em 7 de março de 1978 como juiz adjunto (denominação da época) da comarca de Goiânia. Um ano depois foi para a comarca de Caiapônia, e, em seguida, para as comarcas de Bom Jesus de Goiás, Jataí, e, novamente, Goiânia. Em 26 de janeiro de 2001, Ney Teles assumiu o cargo de desembargador do TJGO.