Prefeito de Goiânia autoriza reabertura de bares, restaurantes, igrejas, academias e feiras especiais

O prefeito de Goiânia, Iris Rezende Machado (MDB), assinou nesta segunda-feira (13) novo decreto com regras para a reabertura do comércio a partir desta terça-feira (14). Bares, restaurantes, igreajs e academias poderão voltar a funcionar seguindo protocolos específicos, como lotação de no máximo 30% da capacidade. Outra novidade é a permissão para funcionamento das feiras especiais, incluindo a Feira Hippie, Feira da Lua, além do Mercado Popular da Rua 4, no centro, e o Mercado Aberto, da Avenida Paranaíba, a partir do dia 21 de julho. Confira a íntegra do documento aqui

Dentre as regras para funcionamento em tempos de pandemia está previsto o controle da entrada de clientes por loja/estabelecimento, manter no máximo um cliente para cada 12 metros quadrados de área de venda, controle da entrada e saída de pessoas no interior, por meio de barreira física, senha ou outro método eficaz.

A nova norma prevê ainda a vedação do acesso de pessoas que não estejam utilizando máscaras de proteção facial cobrindo nariz e boca. Sinalização dos sentidos de circulação e marcações no chão de 2,0 em 2,0 metros entre pessoas nas áreas comuns. Quando possível, implantar corredores de uma via só, para coordenar o fluxo nos estabelecimentos.

Abertura e o fechamento para atendimento presencial em horários reduzidos, conforme estabelecido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia, redução das áreas de estacionamento com sinalização para vagas intercaladas. Quem não cumprir as regras estabelecidas estará sujeito ao pagamento de multa no valor de até R$ 4,7 mil.

Grande eventos

Já os grandes eventos públicos e privados de quaisquer natureza, atividades de clubes recreativos e parques aquáticos, aulas presenciais de instituições de ensino público e privadas, cinemas, teatros, casas de espetáculo, boates, salões de festa e jogos continuam proibidos na capital.