Ouvidoria-Geral já funciona no Vapt Vupt de Trindade

O Vapt Vupt de Trindade é um dos primeiros do Estado a colocar em funcionamento a Ouvidoria-Geral, criada para que o cidadão possa pedir informações, fazer sugestões, críticas, elogios ou denúncias relacionadas a qualquer órgão da Administração Pública Estadual. Atualmente existem 43 unidades do Vapt Vupt em Goiás. Segundo o supervisor de Atendimento do Vapt Vupt de Trindade, Edmilson de Oliveira Matos, “o cidadão pode fazer reclamação e elogios em relação à própria unidade do Vapt Vupt ou de qualquer órgão público. Podem ser feitas também denúncias de prejuízo ao erário público ou de maus-tratos no serviço público”.

A agência de Trindade tem 62 funcionários e uma média de 1,2 mil atendimentos diários. O serviço está funcionando há cerca um mês e, como a maioria dos usuários ainda não sabe do funcionamento da Ouvidoria-Geral, a divulgação está sendo feita todos os dias na unidade. Após registrar a demanda, o cidadão recebe um número de protocolo para acompanhar os desdobramentos de sua solicitação. Existe a possibilidade de fazer denúncia anônima. “Pode ser feita denúncia anônima, mas neste acaso não tem como o reclamante acompanhar o andamento do processo. Mas, de qualquer forma, mesmo que o denunciante forneça seus dados, o reclamado jamais terá acesso às informações”, relata Edmilson de Oliveira.

Realizado de forma multifuncional, o atendimento da Ouvidoria-Geral nas unidades do Vapt Vupt é fruto de uma parceria da Controladoria-Geral do Estado (CGE) com a Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan). No início de agosto, a CGE ofereceu treinamento para servidores de todas as unidades de Goiânia e do interior, que se transformaram em multiplicadores nas suas respectivas unidades. “Num primeiro momento foi feito o treinamento na capital, pela própria Ouvidoria da CGE e, depois, na própria unidade. Esse treinamento foi acompanhado pela internet. Agora nós estamos fazendo a divulgação com o cliente do Vapt Vupt”, frisa Edmilson Matos. Na sequência, foi editada Instrução Normativa que estabelece os procedimentos a serem adotados pelos técnicos e promovidas alterações no Sistema Operacional, com o objetivo de racionalizar e agilizar as atividades.

Após registrar a demanda, o cidadão recebe um número de protocolo para acompanhar os desdobramentos de sua solicitação. “Todo processo realizado pela Ouvidoria-Geral do Estado é transparente. Após receber o número de protocolo, o cidadão poderá consultar o andamento da sua manifestação em qualquer unidade do Vapt Vupt. Ou se preferir, por meio da Internet, em qualquer site do governo. Basta clicar no ícone da Ouvidoria-Geral do Estado e digitar o número da solicitação no campo “consulta de andamento de processo”. Lá o cidadão poderá visualizar a resposta ou o andamento de seu pleito”, explica o superintendente.

A Ouvidoria Geral possui ainda outros mecanismos pelos quais as pessoas podem entrar em contato com o governo estadual. São eles o telefone 0800 621513, o site www.cge.go.gov.br/ouvidoria e o e-mail [email protected]